Sexta-feira, 07.10.16

Feira do Livro Mais Português em Maliana de 14 a 16 de Outubro

 

A Feira do Livro Mais Português vai realizar-se em Maliana nos dias 14 a 16 de outubro no CAFE de Maliana, Odomau.

 

Uma oportunidade para comprar livros em língua portuguesa e a preços reduzidos.

 

O evento é uma ideia do Projecto Mais Português financiado pela UASC - GPM e da Embaixada de Portugal em Timor. E ainda apoiado pela Embaixada do Brasil em Timor, BNU Timor, Timor Telecom e as Irmãs Clarissas de Maliana.


O Projecto Mais Português junta a UASC-GPM, a Fundação Oriente, a Plural Editores e a Livros & Ca com o objectivo de organizarem a Feira do Livro.

O projecto inclui ainda formação em língua portuguesa para elementos da Sociedade Civil e actividades para crianças lúdico-didátcas em língua portuguesa.


Estarão presentes na Feira Mais Português a Embaixada de Portugal, Plural Editores, Livros & Companhia, Abut, Livraria Central, o grupo Haktuir Ai-knanoik e a Fundação Oriente a vender livros a preços reduzidos.

 

O local de realização da feira foi disponibilizado pelo CAFE - Centro de Aprendizagem e Formação Escolar - de Maliana, situado na aldeia de Odomau.

 

Em simultâneo com a feira decorrerão actividades para toda a família. De manhã actividades para crianças a partir das 10h30 e à tarde conversas com autores de livros a partir das 15h.

 

Na sexta-feira realiza-se às 16h30 a actividade "Música vai à escola", um programa que dá a conhecer a música portuguesa recente aos mais novos. E no sábado às 16h30m será apresentado um concerto de música portuguesa e brasileira.

 

Convidamos a todos os interessados a visitar a feira a partir de dia 14 - Dia da Cultura - às 10h.

A feira encerra no domingo às 13h.

 

Obrigadu barak a todos os que apoiam a promoção da língua portuguesa por Timor-Leste.

 

Agenda:

agendaculturaldili às 09:11 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 12.01.16

Origami - Jogos Tradicionais Orientais - sábado 23/01 - 10h

 

A Fundação Oriente em Timor-Leste dá início a uma coleção de Jogos Tradicionais Orientais dando a conhecer aos mais novos os jogos e as suas origens, alguns dos quais foram adoptados em todo o mundo.

 

A actividade é composta pela leitura de uma história alusiva ao tema e pela construção de origamis adaptados às idades dos participantes. Será conduzida em língua portuguesa pela animadora Marta Contente.

 

Actividade indicada para crianças maiores de 4 anos. Sugerimos que traga uma água/sumo para a criança!

 

Assista e participe. Até dia 23 de Janeiro às 10h.

 

Introdução ao tema:

Os jogos e brinquedos populares transmitem-se oralmente e pela repetição de gestos de um saber-fazer aprendido da geração que nos precedeu e conseguiram sobreviver ao desenvolvimento urbano e industrial dos últimos cinquenta anos."

 

"A maior parte dos jogos e brinquedos nasceu na Ásia (…) Atribui-se a Gautama Buda (séc. VI ou V a.c.) uma lista de entretenimentos comuns (na Brahmajala Sutta) com os quais ele afirma que nunca se divertiria. Trata-se da mais antiga lista de jogos e brinquedos asiáticos, alguns deles ainda hoje reconhecíveis: nela se referem os jogos praticados em tabuleiros de oito casas de lado (como o nosso xadrez), as ventarolas, os jogos de bola e de dados, a mímica ou aquela paciência que em Portugal conhecemos com o nome de mikado."

 

“Os jogos de tabuleiro e os “quebra-cabeças” envolvem normalmente um pensamento matemático ou estratégico complexo e são sempre invenções individuais feitas por pessoas com uma situação social que lhes permite ter tempo para pensar, sejam elas eruditos, cortesãos ou generais entediados em tempo de paz. Intimamente ligados ao mundo do pensamento abstracto e da escrita, alguns globalizaram-se e tornaram-se tendencialmente universais, como o xadrez, o tangram ou o pião. In: ”Brinquedos e jogos da Ásia”, Fundação Oriente Museu, Lisboa 2011


Bom ano de 2016!

agendaculturaldili às 03:35 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos

ARQUIVO

A DELEGAÇÃO EM TIMOR-LESTE

A DELEGAÇÃO EM TIMOR-LESTE

FUNDAÇÃO ORIENTE

FUNDAÇÃO ORIENTE

MUSEU DO ORIENTE

MUSEU DO ORIENTE

CENTRO DE DOCUMENTAÇÃO

CENTRO DE DOCUMENTAÇÃO

BOLSAS DE ESTUDO

BOLSAS DE ESTUDO