Terça-feira, 13.02.18

Anúncio Prémio de Língua Portuguesa 2018

A Fundação Oriente anuncia a 5ª edição do Prémio de Língua Portuguesa, um concurso de escrita para jovens estudantes timorenses dos 18 aos 24 anos

 

O Prémio de Língua Portuguesa tem como objectivo incentivar os jovens timorenses a escreverem em português, sendo que o Prémio para o vencedor é um curso de verão de língua e cultura portuguesa na Universidade do Minho no próximo mês de julho/agosto de 2018.

 

O tema do concurso deste ano é "A paz".

 

O prémio tem o valor de 3,000 usd. A Fundação Oriente compra a viagem de ida e volta e faz a inscrição e pagamento de propinas na universidade.

 

Inspire-se e escreva sobre o tema"A paz".

 

 

 

Prémio de Língua Portuguesa para Jovens Estudantes de Timor-Leste

5ª Edição - 2018

Regulamento

 

1. Designação

É instituído o Prémio de Língua Portuguesa da Fundação Oriente para jovens estudantes de português de Timor-Leste, com o objetivo de proporcionar o desenvolvimento das suas competências linguísticas e comunicativas em português, através da frequência do Curso de Verão de Língua e Cultura Portuguesa em Portugal, promovendo também, desta forma, o intercâmbio cultural com outros falantes de língua portuguesa.

 

2. Âmbito

2.1. O Prémio de Língua Portuguesa da Fundação Oriente é atribuído ao jovem estudante de Timor-Leste que apresente o melhor texto original com o tema “A paz”;

2.2. Os textos a apresentar não devem exceder as 3 (três) páginas A4, com o tipo de letra Times New Roman, tamanho 12 e com espaçamento entre linhas de 1,5;

2.3. Ao prémio podem candidatar-se apenas estudantes de nacionalidade timorense, actualmente a frequentar uma instituição de ensino em Timor-Leste, com idade compreendida entre os 18 e os 24 anos, inclusive, completados até à data limite de entrega dos textos;

2.4 Ao prémio podem candidatar-se todos os jovens que não tenham vencido o Prémio de Língua Portuguesa de anos anteriores;

2.5. Cada estudante apenas poderá apresentar 1 (um) texto a concurso;

2.6. Os textos a concurso devem ser entregues com a identificação do autor, curriculum vitae, indicação da morada, telefone e endereço electrónico (email);

2.7. Os textos a concurso deverão ser entregues na Delegação da Fundação Oriente, na morada Rua 30 de Agosto nº 78, Díli até às 17h00 do dia 30 de março de 2018, ou através do correio eletrónico para delegacaotimor@foriente.pt até ao dia 31 de Março de 2018;

2.8. Dos textos apresentados a concurso nesta edição serão seleccionados pelo júri no máximo 10 (dez), os quais serão apresentados pelos autores publicamente, em local e data a anunciar pela Fundação Oriente;

2.9. Os textos escolhidos não poderão sofrer qualquer tipo de alteração, devendo ser apresentados tal como foram elaborados;

2.10. A Fundação Oriente reserva-se o direito de publicar todos os textos apresentados a concurso, sem que daí advenham quaisquer encargos relativos a direitos de autor.

3. Natureza do Prémio

3.1. O Prémio de Língua Portuguesa da Fundação Oriente tem o valor pecuniário de 3,000 (três mil) dólares americanos e destina-se a apoiar a deslocação e a estadia do estudante premiado em Portugal, durante aproximadamente um mês, a fim de frequentar o Curso de Verão de Língua e Cultura Portuguesa na Universidade do Minho. O curso realiza-se durante o mês de Julho ou Agosto de 2018.

3.2. Na actual edição do Prémio serão atribuídos 4 Prémios de Língua Portuguesa.

3.3. Ainda na actual edição serão atribuídos como prémios extraordinários 4 (quatro) Cursos de Língua Portuguesa na Delegação da Fundação Oriente em Timor-Leste aos premiados entre o 5º e o 8º lugar de classificação. Os cursos deverão ser frequentados até final de 2019.

 

4. Atribuição do Prémio

4.1. Os vencedores do Prémio de Língua Portuguesa da Fundação Oriente serão escolhidos por um júri constituído por 5 (cinco) elementos escolhidos entre personalidades de prestígio na área de ensino e da cultura de Timor-Leste e/ou países da CPLP;

4.2. As decisões do júri serão tomadas por maioria simples e destas não caberá recurso;

4.3. O júri poderá não atribuir os prémios caso entenda que os textos não se enquadram no âmbito deste regulamento ou quando não tenham qualidade suficiente;

4.4. O resultado do concurso será publicado no sítio da Delegação da Fundação Oriente e outras redes sociais;

4.5. Os prémios serão entregues em acto público a realizar na Delegação da Fundação Oriente em Timor-Leste, em data a anunciar;

4.6. A Fundação Oriente reserva-se o direito de decidir sobre a renovação anual da atribuição deste Prémio.

 

Publicado em 01/03/2018


 

 

agendaculturaldili às 08:42 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 09.02.16

Concerto música FADISTÂNCIAS sábado 13 de Fevereiro 18h

Concerto música FADISTÂNCIAS

 

O Fado ... estilo de música portuguesa inconfundível, apreciado em todo o mundo, cantado, interpretado e até mesmo dançado.

 

 

A delegação da Fundação Oriente funciona desde 2002 em Timor-Leste, instalada numa casa onde antigamente o fado era a MÚSICA de todos os dias, por isso e não só, a 13 de Fevereiro volta a celebrar-se o Fado.

 

FADISTÂNCIAS é uma proposta de espectáculo de fado ligeiro cantado a duas vozes, Gilda Rocha e João Rocha, e interpretado por João Rocha na guitarra e Etson Caminha no "carrô", onde se celebra o fado e se diminuem as distâncias.

 

É na Fundação Oriente, sábado 13 de Fevereiro às 18h! Não perca. Entrada grátis!


Fado... estilu musika portugeza nebe laiha ida maka hanesan, mundu tomak apresia, hananu, interpreta no mos bele dansa.


Delegasaun Fundação Oriente hahú halao knar tinan 2002 iha Timor-Leste, iha uma ida nebe houri uluk liu fado maka sai nudar muzika loro-loron nian, tamba nee duni, iha loron 13 Fevereiru sei hahu fali selebra Fado.


FADISTANCIAS proposta espetakulu fado lijeiru nebe hananu husi lian rua, Gilda Rocha no João Rocha, interpreta husi João Rocha iha guitarra no Etson iha “carrô”,  iha nebe selebra Fado, hodi hakbesik liu tan.


Iha Fundação Oriente, sabadu, loron 13 Fevereiru, tuku 6 lokraik! Keta lakon. Tama gratis.


agendaculturaldili às 04:59 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 17.12.15

Prémio de Língua Portuguesa 2015 da Fundação Oriente

 

Consulte o Regulamento para conhecer os critérios e detalhe do prémio:

 

Prémio de Língua Portuguesa 2015 para Jovens Estudantes de Timor-Leste

Regulamento

 

1. Designação

É instituído o Prémio de Língua Portuguesa da Fundação Oriente para jovens estudantes de português de Timor-Leste, com o objetivo de proporcionar o desenvolvimento das suas competências linguísticas e comunicativas em português, através da frequência do Curso de Verão de Língua e Cultura Portuguesa em Macau, promovendo também, desta forma, o intercâmbio cultural com outros falantes de língua portuguesa.

2. Âmbito

2.1. O Prémio de Língua Portuguesa da Fundação Oriente ao jovem estudante de Timor-Leste que apresente o melhor texto original de um conto infantil sobre Timor-Leste;

2.2. Os textos a apresentar não devem exceder as 3 (três) páginas A4, com o tipo de letra Times New Roman, tamanho 12 e com espaçamento entre linhas de 1,5;

2.3. Ao prémio podem candidatar-se apenas estudantes de nacionalidade timorense, actualmente a frequentar uma instituição de ensino em Timor-Leste, com idade compreendida entre os 18 e os 25 anos, inclusive, completados até à data limite de entrega dos textos;

2.4 Ao prémio podem candidatar-se todos os alunos que não tenham vencido o Prémio de Língua Portuguesa de anos anteriores;

2.5. Cada estudante apenas poderá apresentar 1 (um) texto a concurso;

2.6. Os textos a concurso devem ser entregues com a identificação do autor, curriculum vitae, indicação da morada, telefone e endereço electrónico;

2.7. Os textos a concurso deverão dar entrada na Delegação da Fundação Oriente, na morada Rua Presidente Nicolau Lobato, nº 13, Díli, ou por correio electrónico fundoriente@foriente.minihub.org até às 17h00 do dia 1 de Fevereiro de 2016;

2.8. Dos textos apresentados a concurso serão seleccionados pelo júri no máximo 5 (cinco), os quais serão apresentados pelos autores publicamente, em local e data a anunciar pela Fundação Oriente;

2.9. Os textos escolhidos não poderão sofrer qualquer tipo de alteração, devendo ser apresentados tal como foram elaborados;

2.10. A Fundação Oriente reserva-se o direito de publicar todos os textos apresentados a concurso, sem que daí advenham quaisquer encargos relativos a direitos de autor.

3. Natureza do Prémio

O Prémio de Língua Portuguesa da Fundação Oriente tem o valor pecuniário de 2,500 (dois mil e quinhentos) dólares americanos e destina-se a apoiar a deslocação e a estadia do estudante premiado em Macau, durante um mês, a fim de frequentar o Curso de Verão de Língua e Cultura Portuguesa na Universidade de Macau. O curso realiza-se durante o mês de Julho de 2016.

4. Atribuição do Prémio

4.1. O vencedor do Prémio de Língua Portuguesa da Fundação Oriente será escolhido por um júri presidido por 1 (um) representante da Fundação Oriente e constituído por mais 4 (quatro) elementos escolhidos entre personalidades de prestígio na área de ensino e da cultura de Timor-Leste e/ou Portugal;

4.2. As decisões do júri serão tomadas por maioria simples e destas não caberá recurso;

4.3. O júri poderá não atribuir o prémio caso entenda que os textos não se enquadram no âmbito deste regulamento ou quando não tenham qualidade suficiente;

4.4. O resultado do concurso será publicado nos media local;

4.5. O prémio será entregue em acto público a realizar na Delegação da Fundação Oriente em Timor-Leste, em data a anunciar;

4.6. A Fundação Oriente reserva-se o direito de decidir sobre a renovação anual da atribuição deste Prémio.

 Publicado em 17/12/2015

agendaculturaldili às 06:25 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos

ARQUIVO

A DELEGAÇÃO EM TIMOR-LESTE

A DELEGAÇÃO EM TIMOR-LESTE

FUNDAÇÃO ORIENTE

FUNDAÇÃO ORIENTE

MUSEU DO ORIENTE

MUSEU DO ORIENTE

CENTRO DE DOCUMENTAÇÃO

CENTRO DE DOCUMENTAÇÃO

BOLSAS DE ESTUDO

BOLSAS DE ESTUDO