Sexta-feira, 29.09.17

Cine Brasil - "Eu, tu e eles" - dia 21 de outubro 16h

O Cine-Timor apresenta o filme brasileiro "Eu, tu e eles". Uma narrativa de amor em que drama e humor se misturam, embalada pela belíssima música de Gilberto Gil.

 

É sábado, dia 21 de outubro às 16h. Não perca.

 

 

Para saber mais sobre a sinopse e o trailer clique aqui.

agendaculturaldili às 04:41 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 27.06.17

Cine Brasil - A dona da História - dia 1 de julho 16h

O Cine-Timor começa o segundo semestre com o filme brasileiro "A dona da história".

 

É sábado, dia 1 de julho às 16h.

 

Para saber mais sobre a sinopse e o trailer clique aqui.

 

agendaculturaldili às 09:12 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 20.04.17

Oficina para crianças e pais - Máscaras da Ásia

 

Uma oficina desenhada para crianças e pais com o tema da exposição patente na Fundação Oriente em Díli - Máscaras da Ásia.

Inclui visita guiada à exposição e de seguida a oficina de construção de máscaras para crianças e pais.

 

Início às 9h30m até às 11h30m.

 

Aguardamos a sua visita.

agendaculturaldili às 04:49 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 01.09.16

Eu canto Samba - 7 de setembro 18h30m

 

"EU CANTO SAMBA – Cem anos de música e alegria" é um espetáculo que celebra o centenário do mais importante gênero da música brasileira. Um grupo formado por músicos de cinco nacionalidades apresentará alguns dos mais belos sambas em um show animado e inesquecível. Quando? Na próxima quarta-feira, dia 7 de setembro, às 18h30, na Fundação Oriente. Entrada gratuita. Não perca!

agendaculturaldili às 03:44 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 29.08.16

Os Timorenses 1973 – 1980 - Joana Ruas



Os Timorenses 1973 – 1980

É um romance sobre um processo histórico único no mundo e uma das mais solitárias guerras de libertação nacional.

Neste período, a FRETILIN travou contra o invasor indonésio uma guerra de independência e uma guerra social numa metade de uma ilha isolada do resto do mundo pelo invasor e sem qualquer espécie de retaguarda para se refugiar ou para se abastecer. Na sua terra invadida, a pátria estava na presença social, física e sentimental dos seus guerrilheiros liderados por Nicolau Lobato. Os homens e mulheres das FALINTIL deixaram de existir no presente para se continuar no futuro. Eram homens e mulheres de coração poderoso cujos olhos pareciam olhar para o fundo do futuro, homens e mulheres que permaneciam livres mesmo na prisão e que mesmo nus morriam de pé.

O testemunho dos sobreviventes desta etapa que vai de 1973 a 1980, repõe a memória concreta dos episódios então vividos pela nação timorense mas nada nos é revelado da vida dos seus heróis e heroínas. Até à restauração da independência a 20 de Maio de 2002, a morte é a paisagem que absorve os elementos humanos e a vida material dos seus guerrilheiros e de toda a nação. O que impressionou vivamente a escritora Joana Ruas foi essa experiência ao mesmo tempo religiosa e laica que através do cimento do seu sonho de liberdade colectiva, da sua fé e da força da linguagem venceu a angústia da morte e a certeza da destruição.

 

Joana Ruas

A autora nasceu na Quinta do Pinheiro em Freches, no distrito da Guarda. Trabalhou como jornalista cultural e tradutora na Radiodifusão Portuguesa e no jornal Nô Pintcha da República da Guiné-Bissau.

Participou na causa da Libertação do Povo de Timor-Leste, tendo feito várias conferências sobre a Língua Portuguesa em Timor-Leste, sua história e cultura. Entre poesia dispersa e ensaios é autora dos romances, Corpo colonial, O claro vento do mar e A pele dos séculos. Participou na IV Feira do Livro de Díli onde apresentou o romance A batalha das lágrimas e o livro de contos Crónicas timorenses respectivamente o 1º e o 2º volume da tetralogia A pedra e a folha sobre cem anos de Resistência Timorense.

 

A Plural editores e a Fundação Oriente organizam o lançamento do livro no dia 22 de setembro às 17h na Delegação da Fundação Oriente em Díli. Seguido de um aperitivo.

 

Apoios

Fundação Oriente

Páteo

agendaculturaldili às 08:33 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 09.02.16

Concerto música FADISTÂNCIAS sábado 13 de Fevereiro 18h

Concerto música FADISTÂNCIAS

 

O Fado ... estilo de música portuguesa inconfundível, apreciado em todo o mundo, cantado, interpretado e até mesmo dançado.

 

 

A delegação da Fundação Oriente funciona desde 2002 em Timor-Leste, instalada numa casa onde antigamente o fado era a MÚSICA de todos os dias, por isso e não só, a 13 de Fevereiro volta a celebrar-se o Fado.

 

FADISTÂNCIAS é uma proposta de espectáculo de fado ligeiro cantado a duas vozes, Gilda Rocha e João Rocha, e interpretado por João Rocha na guitarra e Etson Caminha no "carrô", onde se celebra o fado e se diminuem as distâncias.

 

É na Fundação Oriente, sábado 13 de Fevereiro às 18h! Não perca. Entrada grátis!


Fado... estilu musika portugeza nebe laiha ida maka hanesan, mundu tomak apresia, hananu, interpreta no mos bele dansa.


Delegasaun Fundação Oriente hahú halao knar tinan 2002 iha Timor-Leste, iha uma ida nebe houri uluk liu fado maka sai nudar muzika loro-loron nian, tamba nee duni, iha loron 13 Fevereiru sei hahu fali selebra Fado.


FADISTANCIAS proposta espetakulu fado lijeiru nebe hananu husi lian rua, Gilda Rocha no João Rocha, interpreta husi João Rocha iha guitarra no Etson iha “carrô”,  iha nebe selebra Fado, hodi hakbesik liu tan.


Iha Fundação Oriente, sabadu, loron 13 Fevereiru, tuku 6 lokraik! Keta lakon. Tama gratis.


agendaculturaldili às 04:59 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 12.01.16

Origami - Jogos Tradicionais Orientais - sábado 23/01 - 10h

 

A Fundação Oriente em Timor-Leste dá início a uma coleção de Jogos Tradicionais Orientais dando a conhecer aos mais novos os jogos e as suas origens, alguns dos quais foram adoptados em todo o mundo.

 

A actividade é composta pela leitura de uma história alusiva ao tema e pela construção de origamis adaptados às idades dos participantes. Será conduzida em língua portuguesa pela animadora Marta Contente.

 

Actividade indicada para crianças maiores de 4 anos. Sugerimos que traga uma água/sumo para a criança!

 

Assista e participe. Até dia 23 de Janeiro às 10h.

 

Introdução ao tema:

Os jogos e brinquedos populares transmitem-se oralmente e pela repetição de gestos de um saber-fazer aprendido da geração que nos precedeu e conseguiram sobreviver ao desenvolvimento urbano e industrial dos últimos cinquenta anos."

 

"A maior parte dos jogos e brinquedos nasceu na Ásia (…) Atribui-se a Gautama Buda (séc. VI ou V a.c.) uma lista de entretenimentos comuns (na Brahmajala Sutta) com os quais ele afirma que nunca se divertiria. Trata-se da mais antiga lista de jogos e brinquedos asiáticos, alguns deles ainda hoje reconhecíveis: nela se referem os jogos praticados em tabuleiros de oito casas de lado (como o nosso xadrez), as ventarolas, os jogos de bola e de dados, a mímica ou aquela paciência que em Portugal conhecemos com o nome de mikado."

 

“Os jogos de tabuleiro e os “quebra-cabeças” envolvem normalmente um pensamento matemático ou estratégico complexo e são sempre invenções individuais feitas por pessoas com uma situação social que lhes permite ter tempo para pensar, sejam elas eruditos, cortesãos ou generais entediados em tempo de paz. Intimamente ligados ao mundo do pensamento abstracto e da escrita, alguns globalizaram-se e tornaram-se tendencialmente universais, como o xadrez, o tangram ou o pião. In: ”Brinquedos e jogos da Ásia”, Fundação Oriente Museu, Lisboa 2011


Bom ano de 2016!

agendaculturaldili às 03:35 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 08.01.16

Filme Irmã Dulce - Sábado, dia 16 15h

IRMÃ DULCE

16 de Janeiro 2016 (sábado), 15h - Fundação Oriente – Díli

 

Brasil, 2014, 107 minutos, Drama Realização: Vicente Amorim

Com: Bianca Comparato, Regina Braga, Glória Pires, Sophia Pereira Brachmans, Lisandro Eduardo de Castro Oliveira, entre outros.

 

Sinopse: O filme narra a trajetória da beata indicada ao Nobel da Paz e chamada em vida de “Anjo Bom da Bahia” graças a sua dedicação abnegada aos necessitados, doentes e miseráveis. Capaz de atravessar Salvador de madrugada para amparar um menino de rua ou de pedir dinheiro a políticos em pleno palanque, Irmã Dulce enfrentou o preconceito, o machismo e os dogmas da igreja, além de sua própria doença respiratória, para construir sua obra social. Candidata à canonização, a religiosa reúne três qualidades definidoras dos brasileiros: fé, alegria e obstinação.

 

Seleccionado pelo FESTin. Com o apoio do Camões IP e Embaixada de Portugal em Timor-Leste.

agendaculturaldili às 07:14 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 03.12.15

Tarde de histórias - 6 de dezembro domingo 15:00

agendaculturaldili às 02:54 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 02.12.15

Novo programa para televisão - Histórias para sonhar em língua portuguesa

Histórias para Sonhar é um projecto da Fundação Oriente patrocinado pelo Gabinete de Apoio à Sociedade Cívil do GPM de Timor-Leste de 2015. Programa que foi exibido na RTTL televisão pública de Timor-Leste no mês de Dezembro de 2015 e na TVET em Março de 2016. :)

 

O projecto é composto por 6 histórias originais para crianças em Língua Portuguesa para incentivo da prática da língua portuguesa fora do ambiente escolar. O projecto conta com a participação de professores timorenses e portugueses na criação da histórias e no contar das histórias.

 

Em cada programa participa uma escola, e os alunos contribuem para a história fazendo a ilustração de desenhos alusivos à mesma, eriquecendo assim o programa de televisão.

 

A gravação, apoio técnico, edição e montagem do programa é da autoria de técnicos timorenses e portugueses.

 

O projecto transpõe para a televisão a actividade de leitura e contar de histórias que se realiza com frequência na Fundação Oriente em Timor-Leste.

 

A todos os participantes um muito grande obrigada em nome da Fundação Oriente.

 

Aqui ficam alguns dos filmes (em baixa resolução) e fotos:

 

Promoção na RTTL em Dezembro - https://www.youtube.com/watch?v=v_ldRlF8j7s

 

História "Owendi, a menina que queria ir à escola" - https://www.youtube.com/watch?v=zXVvWWevzwA

 

História "O velho pescador e o seu beiro" - https://www.youtube.com/watch?v=JnKCUYZuRU4

 

História "O meu avô e as suas histórias" (lenda timorense - kaleik) - https://youtu.be/hlDn9NeNPR4

 

História "O cão Damião na quinta da Conceição" - https://youtu.be/cO_Bil6yPFM

 

História "O sonho da Yulita" - https://youtu.be/J8m21ro3lzI

 

História "A princesa das lágrimas de ouro" - https://youtu.be/PkIsmkgLlnE

 

 

agendaculturaldili às 01:42 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos

ARQUIVO

A DELEGAÇÃO EM TIMOR-LESTE

A DELEGAÇÃO EM TIMOR-LESTE

FUNDAÇÃO ORIENTE

FUNDAÇÃO ORIENTE

MUSEU DO ORIENTE

MUSEU DO ORIENTE

CENTRO DE DOCUMENTAÇÃO

CENTRO DE DOCUMENTAÇÃO

BOLSAS DE ESTUDO

BOLSAS DE ESTUDO